NABARRATV
Bem vindo
Login / Registre-se

CIDADE PCD | Chamada Clodoaldo

Registre e acesse todos os vídeos. Clique em REGISTRE-SE no menu acima

Por favor, efetue login abaixo ou REGISTRE-SE para assistir este vídeo.

Obrigado! Mostre para seus amigos!

URL

Você detestou este video. Obrigado pela sua opinião!

Sorry, only registred users can create playlists.
URL


Adicionado em by DINIZ GUEDES dentro Barra da Tijuca Feiras e Negócios
58,907 Visualizado

Descrição

Oficinas, palestras, shows, terapias, esportes adaptados, test drive e balcão de empregos vão transformar o Parque Olímpico no universo da pessoa com deficiência, de 1 a 3 de dezembro

Chega ao Rio a primeira edição da Feira Cidade PcD, o maior evento de inclusão, acessibilidade, orientação e mobilidade para a Pessoa com Deficiência (PcD). De 1 a 3 de dezembro, a Arena 2 do Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, será das 10h às 19h o ponto de encontro para quem busca tudo sobre PcD, com direito à entrada gratuita e mil vagas de estacionamento liberadas. Tendo como padrinho o medalhista olímpico e paratleta Clodoaldo Silva, a feira vai concentrar em um só lugar as melhores empresas fornecedoras de produtos e serviços em meio a uma série de atividades. São palestras, oficinas, shows de música e dança (todos de PcD), food trucks, jogos como vôlei sentado e basquete, espaço para test drive de veículos adaptados e até um balcão de empregos para impulsionar a entrada desse público no mercado.

Com similar no Brasil apenas em São Paulo, a feira é uma iniciativa da revista PCD e do site www.universopcd.com.br, veículos lançados este ano. Foi o pontapé inicial para o projeto construído com instituições de pessoas com deficiência, como a ABBR (Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação), Andef (Associação Niteroiense dos Deficientes Físicos), Afac (Associação Fluminense de Amparo aos Cegos) e Acadim (Associação Carioca de Distrofia Muscular), além da Imparh Soluções em Recursos Humanos. O evento atraiu também parceiros como os Ministérios da Saúde e do Esporte, a Autoridade Governamental do Legado Olímpico (AGLO) e a Prefeitura do Rio, que terá um estande para mostrar suas principais ações PcD. A mais recente delas é o equipamento com dispositivo sonoro para auxiliar a travessia de deficientes visuais, já funcionando em frente ao Instituto Benjamin Constant, na Urca.

Oficina de pintura em guache em alto relevo e orientações sobre procedimentos para a retirada de documentos e passe especial estão entre as atividades organizadas pela Subsecretaria da Pessoa com Deficiência (Subpd). Acompanhado de uma equipe da Central Carioca de Intérpretes de Libras (Língua Brasileira de Sinais), o subsecretário Geraldo Nogueira ministrará palestra sobre as recentes alterações na Lei Brasileira de Inclusão (LBI). O Grupamento de Cães da Guarda Municipal do Rio participará com demonstrações de Showdog e da Cinoterapia, tratamento feito com jovens da Apae-Tijuca. Estão previstas também ações das secretarias de Saúde, de Educação e de Desenvolvimento, Emprego e Inovação, que só esse ano captou cerca de 10 mil vagas, com três mil delas encaminhadas e quase 300 gerando empregos.

– A Feira Cidade PCD traz novos conhecimentos e novas tecnologias assistivas e digitais voltadas para as pessoas com deficiência, assim como para familiares e a sociedade em geral. O evento é também uma forma de facilitar a inclusão, difundindo mais informações sobre acessibilidade e tornando a cidade mais acessível. A Prefeitura vê a participação na feira não só como uma oportunidade de mostrar as principais ações que desenvolve no segmento, mas também de aprendizado – adianta Geraldo Nogueira, subsecretário da Pessoa com Deficiência.

Esportes adaptados – Além de Clodoaldo Silva, a feira vai reunir outros renomados desportistas, como a arremessadora de peso Rosinha Santos e o triatleta Robson Caetano, contando também com apresentações de bocha, handebol e power soccer entre os esportes adaptados. A parceria com a Autoridade Governamental do Legado Olímpico (AGLO) insere a feira na proposta de continuidade do uso dos aparelhos esportivos da cidade. A Cidade PcD vem para somar às diversas atividades que vêm acontecendo no Parque desde o fim dos Jogos do Rio.

Negócios – Diversos stands terão workshop de empreendedorismo voltado para a Pessoa com Deficiência, como o trabalho realizado pela Contém 1g que tem site desenvolvido para atender às necessidades da PcD. Além disso, aluguel de cadeiras de rodas, venda e demonstração de próteses e órteses e produtos de tecnologia assistiva em geral integram o cardápio de negócios do evento. Veículos adaptados estarão disponíveis para testes, com consultores do Detran-RJ esclarecendo dúvidas e orientando sobre a isenção de impostos para a compra de carros e retirada da carteira de habilitação especial.

– Muita gente não sabe, mas existem doenças que dão direito à compra do carro com descontos que podem chegar até 25%. Pessoas que fizeram mastectomia ou têm sequelas de AVC (Acidente Vascular Cerebral), túnel de carpo e hérnia de estão entre as que podem contar com a redução expressiva de valor para adquirir um novo veículo. Por isso, informar está entre as prioridades desse evento inédito no Rio, mas que chega com a proposta de se repetir todos os anos – adianta Denis Deli, um dos coordenadores da feira.

Dados PcD – Segundo dados do último Censo do IBGE, de 2010, cerca de 24% da população brasileira tem algum tipo de deficiência, o equivalente a 45 milhões de pessoas. Somente no Estado do Rio são quatro milhões entre os quase 17 milhões de habitantes. Os motores que movimentam este setor fazem circular por ano R$ 700 milhões nos municípios fluminenses, com o estado sendo o segundo maior mercado do segmento no país.

– O Rio é o segundo maior mercado do Brasil e merece ter um evento deste porte. Nossa expectativa é fazer deste o maior evento de inclusão social da história da cidade. Uma grande agenda cultural também foi preparada para toda a família. Artistas com e sem deficiência vão se apresentar em nosso palco e mostrar toda a diversidade cultural do nosso país, comprovando que a inclusão plena é possível – comenta Deli.

E para animar o público, diversas atrações artísticas vão passar pelo palco, como os cantores Andrezinho Carioca e Sara Bentes, o comediante cego, Jefferson Farias além de desfile de moda inclusiva da estilista Silvana Louro. A expectativa é de que a feira receba 15 mil pessoas, 6 mil delas com algum tipo de deficiência.

Para receber os visitantes, a Cidade PcD contará com uma estrutura de acesso guiado que vai desde a saída da estação Cidade Olímpica, do BRT, até a chegada à Arena 2. Acompanhantes para pessoas com deficiência visual estarão na entrada do evento, que disponibilizará banheiros adaptados e ambiente climatizado.

SERVIÇO

Evento: Feira Cidade PcD

Data: Dias 1, 2 e 3 de dezembro de 2017, das 10h às 19h

Local: Arena 2 do Parque Olímpico – Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3.401, Barra da Tijuca – entrada franca e estacionamento gratuito para mil veículos (acesso pelo portão 7).

 

Fonte: Redação Revista PcD

Envie um Comentário

Efetue Login ou REGISTRE-SE para Postar Comentários.

Comentários

Seja o primeiro a comentar
RSS